Resenha: E o que vem depois?


Título: E o que vem depois?

Autor: John Katzenbach

Paginas: 448

Editora: Novo Século 




COMPRE AQUI: BUSCAPÉ,  FNAC
















     Antes que você diga: "Bah, nunca ouvi falar deste autor", saiba que John Katzenbach é muito conceituado no gênero. Dois de seus livros já foram parar nas telonas (A Guerra de Hart, estrelado por Bruce Willis, e Justa Causa, com Sean Connery). Outros livros do autor já lançados no Brasil são 'O Analista' e 'O Homem Errado'.

     Feita as devidas apresentações, vamos falar de "E o que vem depois?".



"Respirou fundo e sentiu algo a sufocando. Devagar levou as mãos ao pescoço e tocou uma coleira. De couro vagabundo, com rebites pontudos, apertada com força ao redor do pescoço."
Pag. 88


     É narrado em terceira pessoa, pelo ponto de vista de todos os personagens. Achei isso incrivelmente fascinante, envolvente e viciante, pois ao mesmo tempo que estamos com a vítima, sabemos o que os vilões estão fazendo e conseguimos visualizar o que os outros personagens estão pensando.


"Imediatamente, um sintetizador começou a tocar "Ode à alegria", de Beethoven. Em seguida, apareceu uma enorme imagem do ator Malcolm McDowell quando jovem, encarnando o personagem Alex, de faca na mão, no clássico Laranja Mecânica, de Stanley Kubrick."
Pag. 40


     Vou tentar ser clara e bem objetiva para explicar isso.

     Adriam foi um grande professor de psicologia, foi casado e foi pai. Além disso também foi um excelente irmão. 'Foi'. Hoje Adriam é um senhor aposentado, viúvo, seu filho também morreu. Hoje ele está doente e em estado terminal.

     Além disso, não sei se por algum grau de esquizofrenia, ou algum sintoma de sua doença, Adriam passa o tempo todo tendo visões dos três mortos da sua vida.

     Um dia, depois de sair do consultório médico, ele decide ir pra casa, pegar sua arma e acabar de uma vez por todas com seu sofrimento e sua vida.


"Assim que a porta se abriu, ele soube que estava morto."
Pag. 7


     Então ele para próximo de suaa casa e fica pensando dentro do seu carro.

     Do outro lado da rua ele avista uma garota bonita de boné rosa, sem motivos, ele só fica ali observando.

     No mesmo sentido vem uma Van bem devagar, para próximo da garota e alguns segundos depois a tal Van acelera bruscamente. No lugar onde estava a garota só ficou o boné rosa.

     Adriam pega o boné e fica sem saber o que fazer.


" - Acho que a Número 4 é a protagonista mais popular que já tivemos. - A voz dela foi ganhando ímpeto. - Isso vai nos render grana. Muito grana."
Pag. 218


     Jennifer, uma menina de dezesseis anos que não se sentia feliz em casa com sua mãe e seu padrasto, e por isso foge pela terceira vez de casa.

     Só que desta vez ela irá encontrar o verdadeiro terror depois que uma tal Van cruzar seu caminho.


"Ela era prisioneira de todas as fantasias dos espectadores."
Pag. 90


     Michael e Linda se conheceram da maneira mais torta e inusitada possível e juntos descobriram uma maneira de ganhar muito dinheiro de um jeito fácil.

     Eles são os donos anônimos do eoquevemdepois.com, um reality show na web baseado nos vídeos snuff.

     
"Talvez tivesse a ver com sexo.
  Talvez com controle.
  Tinha a ver com encarceramento.
  Com violência.
  Sem dúvida, tinha a ver com vida.
  Talvez também tivesse com morte.
  Era por isso que faziam tanto sucesso."
Pag. 60


     Vídeos snuff's são aqueles vídeos onde as pessoas morrem em frente as câmeras. Dizem que estes vídeos não passam de lendas urbanas, mas na dúvida eu prefiro não me inteirar mais neste asssunto, fico com as ficções mesmo.

     O casal irá dar início a Série Número 4 e escolheram Jennifer para ser a protagonista.

     Nas séries anteriores, as vítimas eram prostitutas, mulheres que eles imaginavam que não teriam problemas com a polícia ou coisa do tipo, mas agora eles decidiram arrebentar e causar uma febre na internet, por isso escolheram Jennifer, uma garota que ganhará um número estupendo de fanáticos que decidirão o que virá a seguir: Estupro? Espancamento? Tortura? Morte?


"Olhe ao redor, falou consigo. Lembre-se do que vale a pena lembrar. Ignore o restante."
Pag. 14


     A policial Terri quando recebe o chamado a mãe de Jennifer sobre seu desaparecimento, não dá a mínima. Afinal, esta é a terceira vez que ela é chamada para descobrir o paradeiro da adolescente. Portanto o rapto não é levado a sério. E com isso um precioso tempo é desperdiçado.

     Adriam então se junta com um maníaco sexual para descobrir o que está acontecendo com a menina.


" - É importante. É importante para mim. Tenho de encontrá-la. Quer dizer, estou quase acabado, mas ela é jovem. Tem toda a vida pela frente."
Pag. 164


     O mais genial desta incrível narrativa é que enquanto tudo isso está acontecendo, uma pequena parcela desses espectadores dão o ar da graça no livro. É absurdo acompanhar o que estes loucos sentem enquanto assistem a protagonista da série sofrendo diversos tipos de torturas.

     E não pense você que isso fica só por conta de homens loucos e tarados. Me assustei quando me deparei com garotos de faculdade, casais que assistem aquilo e se excitam... Todo tipo de gente. Pessoas "normais".


" - Seja quem for, ainda assim ela merece uma chance de viver. E você é o único que pode dar essa chance a ela."
Pag. 56


     Isso é muito incrível, pois nada do que li é assim muito absurdo. Tudo é extremamente plausível. Pode estar acontecendo de verdade.

"De seu carro assistiu à van estacar perto dela. De repente, perdeu a moça de vista - a van tapava sua visão."
Pag. 16


     E é justamente essa verossimilhança que fez o livro ser tão genial pra mim. Definitivamente "E o que vem depois?" se tornou mais um favorito do gênero sem dúvida nenhuma.

     O que faz um livro ser favorito para mim? 

     Quando depois de terminar a leitura, minha mente fica voltando para aquele ambiente, fica pensando e repetindo as sensações que tive enquanto lia.

     Te garanto que já voltei pra lá tantas e tantas vezes que nem consigo contar.

     Sinto a agonia de Adriam, sinto a angústia de Jennifer, a impotência de Terri, o nojo dos espectadores, a loucura de Michael e Linda... São tantos sentimentos... Acho que nunca vou esquecer.


"A foto do jovem Alex desapareceu, substituída por uma tela escura que parecia pulsar de suspense. Segundos depois, letras vermelhas em itálico aparecem, fatiando a moldura como faca, entalhando as palavras: E o que vem depois?"
Pag. 40


     Se você gosta de thriller psicológico eu recomendo que mergulhe de cabeça nesta leitura. Com toda a certeza irá curtir muito!!!


" - Vá para casa - falou em voz alta. - Dê um tiro na cabeça enquanto todas estas coisas que lhe dão prazer ainda são reais. Pois a doença vai levá-las embora."
Pag. 13


     A capa é bem sinistra e a diagramação é simples. A fonte tem um tamanho confortável e as páginas amarelas deixam a leitura fácil. 

     Mas nada disso faz com que a leitura seja rápida. Não tem como correr, é necessário parar algumas vezes para respirar e assimilar tantos absurdos, mas que não são absurdos, e isso faz com seja ainda mais difícil... Porque sei que existem pessoas assim, e isso não é nada normal.


"A pessoa podia comprar desde minutos até uma hora ou um bloco de várias horas. Também era possível comprar um dia ou mais. E uma taxa alta permitia o ACESSO COMPLETO À SÉRIE Nº 4 COM PAINEL INTERATIVO. No rodapé das legendas havia um grande cronômetro eletrônico, também em vermelho vívido."
Pag. 41


"Dois quartos, na verdade, disse ela de si para si. O quarto escuro no interior do capuz e o quarto em que estava cativa."
Pag. 115
     













Comente, clique e participe

6 comentários:

  1. Menina, eu tive que parar para respirar já na resenha!!!
    Não havia lido nada a respeito desse livro e pelo que senti, não vi e nem verei ou lerei nada igual. Parece uma história tão real, pela doença inclusa em muitas pessoas, o gosto pelo desconhecido, pelo sofrimento alheio..a agonia que as pessoas sentem,mas que precisam disso para sobreviver.
    Procurar esse livro é pra já!!!!
    Capa belíssima e instigante!!
    Beijo e parabéns pela incrível resenha(foi de arrepiar)

    ResponderExcluir
  2. Olá, Lelê.
    Como você me conhece, sei que você já tem ideia do que vou falar: quero esse livro para ontem!
    Que premissa! Apesar de parecer um tanto chocante e brutal, o enredo me aparentou ser muito envolvente e interessante. Além disso, como gosto desses livros com uma pegada mais dark, vou querer conferir.
    Ótima resenha.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de setembro. Serão dois vencedores.

    ResponderExcluir
  3. Lelê,não li ainda nada desse autor,mas sempre ouço falar bem a respeito,gosto também da narrativa em terceira pessoas que dessa forma acabamos por conhecer os pensamentos dos outros personagens,nossa que trama interessante e tenso,a mãe negligência o sequestro não acreditando e Adrian com seu quadro de vida e um maníaco sexual que se juntam para descobrir o que aconteceu com Jennifer,o mais triste de tudo é pensarmos que existem pessoas assim ,não só como o casal ,mas todos os outros que participaram.Beijos!!!!

    ResponderExcluir
  4. não achei o enredo muito a minha cara e prefiro ficar na zona de conforto mais um pouco
    felicidadeemlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Lê!
    A capa é deprimente, entretanto, adoro thrillers psicológicos e fiquei acompanhando sua resenha e imaginando tudo que pode acontecer no livro.
    Já fiquei querendo, claro!
    “A alegria está na luta, na tentativa, no sofrimento envolvido e não na vitória propriamente dita.”(Mahatma Gandhi)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista, serão 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  6. Oi! Tudo bem?

    Ui! Gente, que livro sinistro! Já comecei me sentindo atraída pela capa, que é de longe uma das mais originais que vi nos últimos tempos. Quando parei para ler a sua resenha, de fato a palavra curiosidade me encontrou.

    Nunca li nada do tipo e creio que será uma experiência muito interessante. Já para a lista!

    Um beijo,
    Doce Sabor dos Livros docesabordoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© To Pensando em Ler - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo