Resenha: 12 Anos de Escravidão


Título: 12 Anos de Escravidão

Autor: Solomon Northup

Páginas: 230

Editora: Seoman



COMPRE AQUI: BUSCAPÉCULTURAFNACSARAIVA









     Estou chocada com a riqueza desta obra. Ela é muito mais do que apenas uma biografia,é um relato visceral com todos os detalhes sórdidos e importantes para fazer o leitor ficar sem ar e sentir toda a dor que este homem sofreu.




"Por que eu não morrera ainda na minha
juventude - antes que Deus me desse
filhos aos quais amar e pelos quais viver?"
Pag. 88


     Solomon Northup nasceu livre em Nova York. Era casado e pai de três crianças pequenas. Lutou muito ao lado da esposa para terem uma vida decente e até com um certo conforto.

     Ele estava aquém de uma maioria de sua época. Um homem que estudou, dotado de grande inteligência e um ótimo violinista.


"Eles prometeram arranjar-me uma
colocação - com salário mais alto -
caso eu os acompanhasse."
Pag. 21


     Até que um dia um grupo se aproximou dele oferecendo trabalho.

     Solomon não era inocente. E nem pense você que tudo aconteceu porque ele era ambicioso. Os homens em questão não tinham nenhum caráter e se mostraram amigos preocupados com a segurança e o bem-estar de Solomon.

     Ludibriaram sem vergonha nenhuma. Qualquer pessoa, mesmo nos dias de hoje seguiria com este grupo sem pestanejar.


"Mais uma vez, assegurei-o de que eu
era um homem livre, e insisti para que
ele me livrasse daquelas correntes
imediatamente. Ele tentou calar-me,
como se temesse que minha voz 
pudesse ser entreouvida."
Pag. 29


     Durante a viagem, Solomon foi drogado e espancado. Foi vendido como escravo e novamente espancado até que aprendesse que não era livre e se convencesse de que era realmente um escravo.


" - Se eu ouvir você dizer uma só
palavra sobre Nova York ou sobre
a sua liberdade, isso significará a 
sua morte. Eu vou matar você.
Pode acreditar nisso."
Pag. 42


     Coisas inimagináveis aconteceram à partir daí. Algumas vezes ele se calou, outras ele revidou. Conheceu pessoas, guardou segredos... Sempre se manteve forte, e mesmo quando a tristeza era imensa, ele não perdia a esperança.

" - Bem, sinta-o! -, continuou Epps. Não
é sempre que se pode ver um rapaz como
ele; ou melhor, que sequer se aproxime
dele! Ele tem a pelo muito fina, e não
suporta o açoite tão bem quanto os
demais, mas ele tem músculos 
poderosos, com certeza."
Pag. 202


     Ele escreveu tudo o que passou durante seus doze anos vivendo como escravo, como se fosse um diário, tamanha a perfeição da narrativa.

     Além da convivência com outros escravos, ainda acompanhamos como era o seu trabalho, a colheita do algodão, as conversas, os açoites, as noites e dias doentes em que ele chegou quase a se encontrar com a morte. Tudo contado nos mínimos detalhes, e que várias vezes me embrulharam o estômago.

     O que mais me doeu é ver a maldade humana. E ela é tão comum hoje, e sempre foi!

     Por mais que eu tenha lido, estudado, assistido em filmes e novelas, nada disso tocou tanto quando este livro. Pude ver pelos olhos de Solomon como era a senzala, como eram as regras das chibatadas e como eles se alimentavam. Parece que estou falando de um animal? Sim, era exatamente assim que eles eram tratados e foi exatamente isso que senti.


"Eu tinha a impressão de estar segurando
uma serpente pelo pescoço, que 
esperava o mais mínimo relaxamento
da pressão que eu exercia para se
enrolar em torno do meu corpo,
esmagando-o e picando-o até a morte."
Pag. 93


     O trabalho de revisão foi fundamental para engrandecer ainda mais esta obra. Trazendo os sotaques e a maneira de falar dos escravos mais velhos em forma de diálogo, foi incrível para a ambientação.

     A diagramação é simples como deveria mesmo ser. As páginas são levemente amareladas e muito lisas ao toque, diferente dessas que estamos acostumadas que são mais porosas. Adorei isso. Parece bobagem, mas quem lê muitos livros acaba se pegando a esses detalhes, e uma página mais lisinha acaba agradando ainda mais.

     Capa bonita! Enfim, nota máxima!

     Eu sei que o filme tem Brad Pitt no elenco, que é tudo de bom! Mas acho difícil o filme passar a dor que tem no livro. E é até bom que isso fique restrito somente aos leitores. Não sei se seria bom ver.

     Recomendo muito!!


"Ai de mim! Até então, eu ainda não
conhecera a medida da "desumanidade
do homem para com os seres humanos";
nem tampouco, a ilimitada extensão da
maldade de que ele é capa, por
amor ao lucro."
Pag. 32






33 comentários:

  1. Oie Alê!
    Estou super curiosa pra ler esse livro, gostei bastante da capa e nossa ele parece ser um livro muito triste e tocantes, ele parece mostrar até onde a maldade humana vai e como a época da escravidão foi algo sofrido e penoso, quantas familias separadas?! quantas sonhos destruídos?! Quanta maldade?! Enfim estou super curiosa pra ler essa obra prima!!! Beijos!

    http://meudiariojk.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. o filme ganhou o oscar e poxa, como você disse quando a ente lê um livro com esse enredo o que pensamos é: até onde vai a ambição humana tão desmedida? não podemos fechar os olhos e fingir que isso não acontece ainda em gigantes proporções mundo a fora!
    admiro Solomon por contar sua história!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Eu recebi um puta spoilers dele ontem ahsuahsuahsu, e olha que não dou bola para isso sabe? Mas fiquei meio .. p da vida confesso. Porque existe spoilers e spoilers.
    >.<
    Ele deve ser um livro bem triste, quero ver conseguir ler ele.

    Beijinhos ♥
    In The Sky - Blog

    ResponderExcluir
  4. Eu vejo a capa desse livro e me da vontade de chorar, sério. Isso porque to me baseando no trailer e no que comentam do filme, imagina ler?!!!! Eu quero ler, mas também quero ver o filme. Acredito que um pode complementar o outro nesse caso.

    Bjs, @dnisin
    www.seja-cult.com

    ResponderExcluir
  5. Oi, Alessandra.

    Estou louca para ler esse livro e também estou curiosa quanto ao filme. Só de ler a sua resenha e assistir ao trailer, já fiquei emocionada. Acho que irei adorar a leitura.

    Beijocas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Estou louca para ler essa obra, ela está sendo muito elogiada. E tem o filme que ganhou o Oscar! Quero muito assistir também, parabéns pela resenha.

    ResponderExcluir
  7. Que resenha mais linda!
    Ainda não conhecia este livro e não assisti ao filme, mas já me encantei através da resenha, quem dirá quando eu finalmente ler!! *-*

    http://oestranhomundodeisa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Adoreeeei adorei adorei a resenha! A história é fascinante! Realmente este é do tipo de livro que temos que ler aos nossos filhos e netos!

    ResponderExcluir
  9. Muito boa a resenha. como sempre é claro..... Esse livro é rico em vários aspectos..... u,u

    ResponderExcluir
  10. Esse livro parece ser realmente incrível. O filme inspirado nele ganhou o Oscar então com certeza o livro é até melhor. Quero muito lê-lo e espero fazer isso logo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Eu confesso pra ti que não gosto muito de biografia, mas essa me chamou atenção pela intensidade do tema que é um assunto que me interessa bastante, por ser uma época de bastante sofrimento, com certeza quero muito ler esse livro. parabéns pela resenha adorei. Beijos ;)

    ResponderExcluir
  12. Não curto muito biografias, mas nessa eu tenho muito interesse. Porque ela é mais que um relato histórico comum, é um retrato verdadeiro de alguém que perdeu sua liberdade e tudo mais que tinha conquistado e se viu obrigado a enfrentar a maldade humana em grandes proporções.

    "Ai de mim! Até então, eu ainda não conhecera a medida da "desumanidade do homem para com os seres humanos";

    Esse homem conseguiu passar por tanta dor e tristeza e ainda por cima, colocar tudo em palavras. Acho que merece a leitura, né? :)

    ResponderExcluir
  13. Parece ser uma estória muito forte e carregada de drama.
    Infelismente quantos no passado não sofreram do mesmo jeito.
    Pretendo ler o livro!

    ResponderExcluir
  14. Uma palavra para definir o momento agora: necessito.
    Todo mundo fala tão bem do livro/filme que minhas expectativas sobre eles só aumentam!
    Espero lê-lo o mais breve possível [e só depois assistir o filme]

    ResponderExcluir
  15. Creio que o filme deixou todo mundo que o assistiu com um gostinho na boca de "quero ler a obra que originou o filme"..rs
    E eis que está aí..a obra e uma resenha de tirar o fôlego!
    Escravidão sempre é um assunto que ainda mexe com a gente..que nos deixa estupefados com a crueldade, a maldade..e sem saudades nenhuma dessa época da história que não deve ser apagada, mas que podia facilmente, ser pulada.
    Quero demais me adentrar nos detalhes dessa obra..e me emocionar muito!
    Um beijo

    ResponderExcluir
  16. Ainda nao assisti ao filme nem li o livro. Espero que seja mais um caso em que o livro é melhor que o filme :P
    Adoro obras em que os tradutores sabem 'traduzir' bem os sotaques.

    ResponderExcluir
  17. Lele!
    ainda me choca livros tão reais, porque mesmo que aparentemente a escravidão tenha terminado, ainda hoje existem situações desse tipo.
    Assisti o filme e gostaria muito de poder ler esse livro.
    Semaninha de luz e paz!
    cheirinhos
    Rudy
    Blog Alegria de Viver e Amar o que é Bom!

    ResponderExcluir
  18. Confesso que não conhecia esta obra até todo o burburinho ref. ao filme! Mas adoro obras desse tipo e com certeza ele já entrou para minha wishlist. E claro, vou lê-lo antes de ver o filme!

    ResponderExcluir
  19. Antes da temporada de premiações de filmes nos Estados Unidos eu nunca tinha se quer ouvido falar deste livro, mas quando ele ganhou destaque na mídia eu acabei me interessando. Gostaria de ler antes de ver o filme, somos leitores e bom, os filmes as vezes não transmite toda a emoção do livro. E pelo que você disse este deve ser intenso e emocionante de uma forma única. Espero ter uma oportunidade de lê-lo o mais breve possível!

    ResponderExcluir
  20. E uma pena que ainda hoje temos pessoas escravas por ai.Quero ler o livro e tambem assistir o filme.Com certeza vai ser uma relato maravilhoso.

    ResponderExcluir
  21. Ainda não assisti o filme, mas estou muito interessada no livro. Nunca li nada que abordasse o tema escravidão e esta obra parece ser mesmo muito emocionante e tocante, fiquei com muita vontade de ler e conhecer também!

    ResponderExcluir
  22. SEGUIDORA: ANDRESSA NUNES

    Bela resenha, apontando passagens importantes do livro, despertando o interesse dos leitores.

    ResponderExcluir
  23. Não cheguei a ler o livro, mas assisti o filme, e poso dizer que saí do cinema me sentindo mal. Sei que o filme não retrata nem 10% do que eles sofriam, mas mesmo assim, não tem como não se chocar com aquilo. Mesmo não sendo o tipo de livro que gosto de ler, esse eu me arrisco, pois é forte e uma fonte histórica também.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  24. Quero muito ler esse livro!
    Não assisti ainda o filme, pois sempre prefiro ler o livro antes de assistir o filme, então preciso desse livro urgente...

    ResponderExcluir
  25. Fiquei louca para ler o livro depois que assisti ao filme. Sei que é um pecado assistir ao filme primeiro, mas eu nem sabia da existência do livro até há pouco. O que posso dizer é que amei o filme. Emocionante, forte, que me fez pular várias cenas por não ter estômago e me fez chorar muito em outras. Creio que o livro irá me proporcionar essas situações de maneira ainda mais intensa por ser escrito por quem de fato passou por tudo isso.

    ResponderExcluir
  26. O filme é fantástico, mas o livro ainda é melhor! Ótima leitura, recomendadíssimo!

    ResponderExcluir
  27. Quero muito ler o livro, gostei da resenha.Assisti ao filme e gostei muito, por isso o meu interesse de ler o livro é grande!

    ResponderExcluir
  28. Nossa eu assistir o filmee maravilhosoooo do começo ao fim chorei bastante mtoo emocionante queria o livrooo :(

    ResponderExcluir
  29. muito boa a resenha fiquei com mais vontade ainda de ler esse livro.

    ResponderExcluir
  30. Eu vi o filme e realmente é sofrência pura.
    Gosto de saber o que aconteceu no passado.
    Chorei horrores...hehe
    Eu recomendo.

    ResponderExcluir
  31. o FILME é extremamente lindo e faz refletir sobre o verdadeiro sentimento que essas pessoas passaram no tempo da escravatura, realmente pela resenha descrita percebo a riqueza de detalhes acerca de todo sofrimento que os homens sofreram , um dos meus filmes favoritos, e com certeza tenho que ter o livro para ficar mais COMPLETA.. rsrsrsrsrsr ^_^




    ResponderExcluir
  32. adorei a resenha,li o livro e assisti o filme...pefeito ,linda historia

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© To Pensando em Ler - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo