Resenha: Uma Curva na Estrada + Sorteio de marcadores


Título: Uma Curva na Estrada

Autor: Nicholas Sparks

Páginas: 303

Editora: Arqueiro



Compre aqui: SARAIVAFNAC, BUSCAPÉ










     Acredito que todos os leitores que acompanham  o blog sabem que AMO Nicholas Sparks, gosto de todos os seus livros, aliás tenho todos os lançados no Brasil.
     Em "Uma Curva na Estrada" o autor não me decepcionou.
     Aquele romance que já é conhecido está presente, neste tem um suspense interessante, mas o que me agradou mesmo foi a narrativa.




"Ela adorava ler, sempre me falava das 
histórias que estava lendo, e tinha um
jeito de contar que me dava vontade
de ler o livro também."
Pag. 111


     Desta vez vamos conhecer o subxerife Miles Ryan. Miles começou a namorar Missy ainda no colégio, e quando chegou a vida adulta Missy já era sua esposa.
     Dessa união veio o filho Jonah. O casal vivia um verdadeiro conto de fadas. Apaixonados e felizes ao extremo.
     Até que uma noite Missy saiu para fazer uma corrida e não voltou.
     Ela havia sido atropelada.


"Foi nessa época que percebeu que precisava
sair de Baltimore, que precisava recomeçar
sua vida em outro lugar. Um lugar onde
as lembranças não fossem tão dolorosas,
um lugar onde nunca houvesse morado."
Pag. 21


     Do outro lado da história está Sara Andrew. Sara se casou com um homem que para ela era perfeito. Lindo, inteligente, rico, companheiro. Ela achava que ele seria um ótimo marido para a vida toda.
     Porém, na primeira grande crise do casal, ele veio com a papelada do divórcio pronta para Sarah assinar. O mundo dela caiu. Decepção foi pouco.
     Por isso ela resolveu se mudar e começar uma nova vida.


"Percebi na hora que o corpo dela estava
caído em um ângulo que não era normal."
Pag. 168


     Dois anos depois da morte de Missy, Miles ainda não está totalmente recuperado. Sofre muito, e não desiste de encontrar o culpado pelo atropelamento que destruiu sua família.

     É quando Sarah chega à cidade e vai dar aula na mesma escola onde Jonah estuda que tudo começa a mudar.

     Eles se tornam amigos, e juntos começam a sorrir novamente.

     Só que como sempre, nem tudo são flores. É claro que a história do atropelamento volta e abala o relacionamento que ainda estava no comecinho.

     E é aí que entra o suspense. Bem, preciso confessar que na metado do livro eu já sabia quem tinha sido o responsável. O autor dá leves pistas de comportamento dos personagens secundários, bem sutis, mas descobri de cara. Porém, como cabeça de autor é sempre uma caixa de pandora, não teve jeito, eu tinha que ler pra ter certeza. E não me arrependi!

     A pessoa que atropelou era realmente quem eu tinha imaginado, mas a carga dramática e as explicações valeram a pena.
     Realmente quem foi não importa, o que importa é como foi, o que se pode tirar de bom e de ruim em um acidente como esse. E como Miles fez para superar a tragédia!!

     Preciso dizer que amei?

     É narrado em terceira pessoa pelos pontos de vista de Sarah e Miles. E entre um capítulo e outro, um narrador, no início não identificado, narra sua versão e sua parcela na história, este em primeira pessoa divide com o leitor seu drama pessoal no meio da trama.

     Quanto a edição; a capa é bonita e segue a linha dos outros livros lançados pela editora, como se fosse uma coleção. Juntos eles ficam lindos na estante. Encontrei pouquíssimos erros na revisão, quase passam despercebidos. As páginas são amareladas e a fonte utilizada também segue o padrão da editora, letras pequenas. Com o grau de miopia que tenho, a leitura dos livros da Arqueiro acabam demorando mais do que o normal, mesmo assim eu nunca desisto, forço um pouco e continuo lendo. Sei que no final valerá a pena sentir uma dorzinha de cabeça, mas se a fonte fosse um pouco maior, eu ficaria mais feliz!!

     No mais, a obra é perfeita!!

     Recomendo sempre os livros do Nicholas ♥





E para você que chegou aqui e conferiu a resenha, deixe seu comentário, eles valerão para o sorteio desses marcadores:

Não esqueça de deixar seu email ou twitter para que eu possa entrar em contato. Bjkassss!!



E quem ganhou foi:

 

20 comentários:

  1. Como vc, amo Sparks!!! Aliás, amo a maneira dele nos fazer sofrer..rs afinal, o que é o amor sem a dor??(ah..o lado poeta)
    Não tenho todos os livros dele, mas quase todos! E esse aí, é um dos que tenho..só ainda não cheguei nele para ler..rs
    Acabo que sempre fazendo uma escala na minha cabeça..e por mais que viva mudando, ainda tento seguir.
    Sei que lerei logo..e confesso que dá uma agonia ao imaginar o que Sparks preparou desta vez!!
    Fontes pequenas...rs isso é realmente um problema!(as editoras deveriam pensar nos pobres ceguetas..ou seja, nós!)
    Um beijo!!!!

    ResponderExcluir
  2. sou uma assumida do Sparks, mas confesso que adorei esse livro porque tem aquele ar de drama do começo da carreira dele, porque agora ele ta mais calminho, ainda mata a gente do coração mais depois ressuscita kkkk
    Miles, eu o vejo como um homem que se sente vazio e que busca através da força em alguns momentos vingar a esposa falecida, parece que ele vive para isso e a Sara rompe esse muro dele!
    @thailadesouza
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/
    :)

    ResponderExcluir
  3. Oie Lele
    eu amei esse livro também. A carga dramática como você enfatizou, e toda a lição que o acidente ensinou não só a Miles mas também a pessoa que cometeu, nossa, mexeram muito comigo.
    Quero ler mais livros do Nicholas.
    bjos
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Lê,
    Vi seu comentário no blog da Juh Lira sobre o livro 'A Irmandade das Olivias', o qual sou a autora e estou respondendo pessoalmente. Inclusive para avisar que estou aberta à parcerias com blogueiros, se você tem interesse, basta entrar em contato comigo através do http://mesadecafedamanha.com ou pela fanpage d' A Irmandade (facebook/airmandadedasolivias).
    Um beijo grande ;)

    ResponderExcluir
  5. Ai, fico tão frustrada com esses casamentos que se desfazem na primeira crise.. Ainda bem que Sarah preferiu recomeçar, assim como Miles aparentemente tentou. Deve ser muito difícil superar a perda de um grande amor. Adorei a resenha. Vou ficar torcendo para ganhar os marcadores. Quero participar do sorteio. Beijos, Mi

    www.recantodami.com
    mcandeloro@gmail.com

    ResponderExcluir
  6. Confesso que li apenas dois livros no Nicholas até hoje que foram: A última música e Um amor para recordar. E infelizmente tenho que admitir que ainda não me tornei fã do autor (eu gosto sim da narrativa dele, só ainda não peguei o livro certo para me apaixonar!) Recomenda ler esse agora?

    Beijo
    amandinhaz_dutra@hotmail.com

    ResponderExcluir
  7. Faz tempo que não leio um do autor. O último foi Um homem de sorte.
    Adoro a narrativa dele, mas as histórias são tudo meio parecidas. rsrs
    beijos
    apenas-um-vicio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Nesse livro, Nicholas com certeza se superou e mostrou que está aqui pra ficar. Com uma linguagem fácil de ler e entender, eu me apaixonei pelo casal principal e pelas suas histórias. Um livro engraçado, romântico e até mesmo tenso, me fez com que eu me apaixonasse pelo livro. Sparks mostra que é possível se apaixonar novamente, superar obstáculos e seguir em frente. Às vezes quando tudo da errado achamos que nada poderá melhorar, mas ele nos mostra que só preciso encontrar a pessoa certa. Este livro me surpreendeu com o final, nunca eu espera um final desses.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ops... Esqueci de colocar o e-mail kkkk
      jejeg7@hotmail.com

      Excluir
  9. Leio pouco o autor, até agora só li Um amor para Recordar e O Casamento (Ambos eu gostei bastante). Tenho até outros livros na estante dele.
    Não creio que seja quem estou pensando :/ o autor gosta de martirizar um pouco néh? Será que a pessoa que atropelou a esposa dele é quem eu penso que é? Hahaha só lendo pra saber hein. Como gosto de ver os personagens de todos os principais, sei que vou gostar da narração.

    jheyscilane@gmail.com

    Beijos,
    Jhey
    www.passaporteliterario.com

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  11. Também adoro esse autor, e tenho todos os livros que foram lançados dele por aqui....Acho que é meio viciante e impossível deixar de ler qualquer coisa que ele escreva. Também adorei essa história, apesar de não ser a minha preferida. Mas com certeza a leitura valeu a pena. O romance em si, o drama, foi tudo na medida certa.
    ana.apnrm@gmail.com / @apnrm

    ResponderExcluir
  12. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  13. Este livro é muito bom, o Autor Nicholas sempre surpreender agente nos últimos capitulo do livro... No caso de "Uma curva na estrada" ele nos fez chorar com a perda de Missy mais nos surpreendeu com um novo amor....adoroooooo
    Estefanysantosdx@gmail.com /@estefanydc

    ResponderExcluir
  14. Oi Lelê!
    *-* aaaah o tio Nick sempre nos surpreende, mesmo com seus livros clichês!
    Eu acho que não posso chorar em mais um Sparks e acabo chorando!
    Ainda não li Uma Curva na Estrada, mas li praticamente todos os outros .. rs
    E claro, AMEI! <3 Uma Longa Jornada foi o meu favorito até agora :D

    Beijos ;*
    Mari Siqueira
    http://loveloversblog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Eu sempre fico encantada com qualquer resenha, de qualquer livro do Nicholas Sparks. Mas eu tenho um problema com o autor, porque eu só consigo ler se eu estiver no clima. Esses romances muito românticos (entendeu? hahahaha) não é sempre que eu tenho vontade de ler, se eu pegar e não tiver no clima eu começo a achar muito meloso e abandono. Com "Uma curva na estrada" eu acho que não teria esse problema, já que tem até um pouco de suspense!
    Eu nunca nem tinha parado pra ler a sinopse dele, acredita? Fiquei interessa em conferir, já faz um bom tempo que li um livro dele (o último que li foi O Milagre).

    Beijos,
    Fernanda Moraes (@_fermoraes).
    http://viciosemtres.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Sendo um livro de Nicholas Sparks, tenho certeza de duas coisas: Que vou chorar e me apaixonar!!!!
    Quero muito ler!!!
    bjos
    luluzinhapinkgv@hotmail.com

    ResponderExcluir
  17. Romance. Sparks. Capa bonita... Nem preciso falar que já tô rendida.
    Vou ver se me preparo psicologicamente para ler alguns livros dele ainda esse ano, porque vc há de concordar comigo que após um Sparks vem uma certa depressão rsrs
    Mas o cara é bom, merece os milhões que ganhou.
    Gosto da pitada de mistério desse, vc hein? Descobrindo antes da hora. #Genia

    Beijos

    www.reticenciando.com

    ResponderExcluir
  18. Acredito que sou a única pessoa que não li um livro do autor. Só assisti o filme "Um amor para recordar", e simplesmente é lindo! Penso que os livros dele devem ser ótimos.

    ResponderExcluir
  19. Oi, tudo bem?
    Já li vários do Sparks, gosto bastante dos seus enredos.
    Acho que já sei qual será o meu próximo livro dele rsrsrs.

    www.dnabookz.com

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© To Pensando em Ler - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo