Título: Amyr Klink - Não Há Tempo a Perder

Autora: Em depoimento a Isa Pessoa

Páginas: 210

Editora: Tordesilhas





COMPRE AQUI:  BUSCAPÉ,  AMERICANAS,  SUBMARINO,  AMAZON














     "Não Há Tempo a Perder" vai além de um simples livro, é uma conversa direta entre o autor, empresário, palestrante e navegador Amyr Klink, e o leitor. Ele conta como foi sua vida desde a infância até hoje de um jeito claro e direto, como um bate-papo mesmo.


"Há situações em que você sabe que não pode desperdiçar tempo algum, não pode deixar para depois, senão vai morrer."
Pag. 17


     O mote de tudo é o tempo. Impossível não ter vontade de realizar todos os sonhos depois de terminar a leitura deste livro!

     Amyr Klink, filho mais velho de uma mulher com alma de artista e de um libanês durão. O relacionamento com o pai não foi dos mais fáceis, mas isso não fez dele um garoto fraco.

     Uma coisa bacana que você aprende neste livro é a aproveitar as oportunidades e se jogar de cabeça, mas não de forma impensada, sempre tudo muito bem planejado.

     Amyr formou-se em economia na Usp, curso que ele odiava, mas como detesta começar alguma coisa e não terminar, acabou pegando o diploma, e ainda fez pós em administração. Trabalhou em um banco, trabalho esse que ele também não gostava.

     Logo no início da faculdade ele arrumou um jeito de fugir dos trotes, pois tudo que ele não queria era que lhe cortassem o cabelo, por isso ele chegava antes de todos. Num começo de manhã assim, ele descobriu a equipe de remo, gostou do que viu e começou a fazer parte do grupo.


"Um detalhe na execução ou um erro no projeto da construção de um barco pode custar não apenas prejuízo material, mas a vida de alguém."
Pag. 103


     Amyr descobriu sua paixão: navegar. Suas longas viagens são descritas em outros livros, em "Não Há Tempo a Perder" ele só lembra delas, assim como lembra das pessoas que fizeram parte dessa trajetória.

     E que trajetória! 

     Enquanto ele conta tudo isso, várias dessas pessoas falam sobre ele, e é perceptível o carinho e a admiração que todos tem por ele.


"Por melhor e mais avançado que seja a tecnologia usada, o ser humano não pode possuir o tempo."
Pag. 175


     Além disso ainda tem várias fotos que mostram as famílias, amigos e suas viagens.

     Amyr conta sobre os altos e baixos da sua vida, como foram seus aprendizados... sempre é tempo de aprender.

     Realmente amei a leitura! Muito enriquecedora!

     A capa tem outra cara depois de ler. Quando você pega o livro, a capa é só um close, quando você termina a leitura, é como se você estivesse olhando nos olhos de um amigo que lhe deu o melhor dos conselhos.

     "Não Há Tempo a Perder". LEIA! 


"Quando você se apaixona por uma ideia, mesmo que utópica, ou extremamente arriscada, vai encontrando meios e determinação até o ponto em que acontece."
Pag. 81





    
























11 Comentários

  1. é interessante, porém não chamou a minha atenção por agora, fica a dica anotada!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Vi uma entrevista dele estes dias e fiquei fascinada com tudo que ele tem pra dizer. Senão me falha a tal memória, a esposa dele é fotógrafa e também tem um trabalho espetacular!
    Ele é um cara bem à frente do seu tempo, um verdadeiro exemplo a ser seguido. Se bem, penso eu, poucos sabem da existência deste grande atleta!
    Lerei o livro com certeza!
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Lelê,gosto muito de livros em que o autor conversa com o leitor.Nossa,falar sobre tempo e no final dá leitura querer realizar todos os sonhos de uma vez , preciso dele já.Legal ter suportado fazer até o fim o fim o que não gostava e driblar os teores.Amo viagens,sonhar...Definitivamente esse livro é para mim.Gosto de leituras enriquecedoras eameio quote dá página 81.😘❤

    ResponderExcluir
  4. Lelê, não costumo ler mto esse gênero,mas achei bacana o enredo, vou deixar anotado!
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Oi, Lelê!
    Gostei bastante da premissa do livro. Mesmo não gostando muito desses gênero literário.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Acho que esse é um desses livros que a gente tem que estar na época certa da vida pra poder apreciar. Não sei se iria gostar agora. Se bem que ele parece dar uns conselhos muito bons, ilustrar como é importante correr atrás do que se quer, aproveitar as chances que aparecem e etc. Bem motivacional.
    Tem um lado que me interessou, mas ao mesmo tempo confesso que não chamou muita atenção =/

    ResponderExcluir
  7. Tenho, mas ainda não li. Sempre ouço falar bem desse livro... Realmente, deve ser inspirador!

    ResponderExcluir
  8. Bom dia Alê,

    Não li nada do autor ainda mas tenho muita vontade, que sabe eu não comece com esse, ótima dica....bjs.

    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Lê!
    Andei acompanhando algumas entrevistas que ele deu nas emissoras de tv falando sobre sua vida e sobre o lançamento do livro e fiquei tão interessada em conhecer a rica história de vida desse desbravador dos mares.
    “O saber é saber que nada se sabe. Este é a definição do verdadeiro conhecimento.” (Confúcio)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de FEVEREIRO, livros + KIT DE MATERIAL ESCOLAR e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  10. Olá Alê!
    Achei esse livro bem interessante, principalmente por ser narrado em forma de entrevista, nunca li um livro assim. Mas o que mais gostei foi saber que se trata de uma obra que nos inspira a buscar nossos sonhos! Amir Klink tem uma trajetória incrível! Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Olá, Lelê.
    O livro parece interessante, apesar de não fazer tanto meu estilo.
    Ainda assim, talvez dê uma chance por causa dos aprendizados que ele deve trazer.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de fevereiro. Serão dois vencedores, dividindo um vale compras e dois livros.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...