15 de fevereiro de 2016

Resenha: Temporada de Segredos

  
Título: Temporada de Segredos

Autora: Sally Nicholls

Páginas: 240

Editora: Geração Editorial

Skoob




COMPRE AQUI: BUSCAPÉ














     Uma linda fábula atual, com toda a magia que as fábulas infantis exigem, mas com muito mais amor e superação que eu esperava.


" - O sangue escuro escorre e ensopa o tecido rústico de suas calças, chuva, tecido e sangue."
Pag. 24


     É narrado em primeira pessoa por Molly, uma garotinha linda e que está sofrendo muito.

     Molly tem uma irmã um poco mais velha, Hannah, e apesar do companheirismo que as duas sempre tiveram, não tem sido assim nos últimos tempos.

     A história começa com Molly contando que está morando com a irmã na cassa dos avós maternos. O pai as deixou que sua mulher morreu vítima de um aneurisma cerebral.
 
     Molly está muito infeliz. Ela não se conforma, acha que o pai não gosta ou não quer mais as filhas. Ela não entende que ele está sofrendo muito, que está desempregado, que seu amor se for sem se despedir, que ele não tem condições de cuidar de si mesmo, muito menos de duas crianças.


"Meu desejo é muito simples e fácil. Será que ele pode fazer meu pai nos querer de volta? Será que pode trazer minha mãe de volta?"


     Em um momento de revolta, Hannah decide fugir com Molly para sua antiga casa, mas antes mesmo de conseguir fugir, as duas se perdem uma da outra.

     Enquanto Molly está preocupada com a irmã e procurando-a desesperadamente, ela vê um garoto muito machucado que está sendo perseguido por cães e por um homem com chifres.

     Ela conversa um pouco com o garoto, tenta ajudá-lo, mas ele calmamente a convence a voltar pra sua casa.

     No dia seguinte ela vê o rosto do garoto esculpido na igreja e percebe que é exatamente o mesmo que ela havia encontrado na noite anterior.

     O rosto esculpido é do "Homem Verde", e logo ela descobre também que o homem com chifres é o "Rei Carvalho".

     À partir daí é que a magia começa. Tudo se mistura e se torna uma fábula incrível.

     A narrativa ajuda muito a tornar a história ainda mais tocante, pois apesar de ser linear, alguns capítulos intercalam  os outros trazendo lembranças do passado, que fará com que algo no presente seja explicado.

     Gosto muito dessa maneira de contar uma história porque vou descobrindo aos poucos, e me emocionando mais conforme a leitura avança.
   
   
"O mundo funciona melhor dentro de um livro. Se você vai a um piquenique, o sol sempre brilha. Se alguma coisa é roubada, você pode desvendar o crime apenas pensando muito. Se alguém está para morrer, basta ligar que a emergência salvará a pessoa."
Pag. 33


     A leitura mão foi tão fluida como a do livro "Como Viver Eternamente", mas a emoção esteve presente da mesma maneira.

     Só acho que algumas passagens foram um pouco desnecessárias, excessos de explicações, talvez a autora tenha escrito unicamente para o público mais jovem, e por isso tenha achado importante esse exagero de explicações, mas meu medo é que ele desista da leitura justamente por isso, já que a leitura tende a ficar mais devagar.

     Contudo, nada disso desmerece o livro de maneira nenhuma.

     Falar da dor da perda não é tão fácil, e fazer com que o leitor sinta essa dor é ainda mais difícil. Neste quesito eu acredito que Sally Nicholls é mestre!

     Adorei! Uma linda história de superação!













Comente e concorra

11 comentários:

  1. A quanto tempo não leio fabulas, nem me lembro qual foi a ultima vez, além de achar a capa do livro muito lindinha, a história me pareceu ser muito boa, e gosto de livros emocionantes, por isso me interessei pela leitura.

    ResponderExcluir
  2. Lelê,amo fábulas e saber que essa é narrada em primeira pessoa me fez ficar encantada e muito curiosa para ler.Quero conhecer Molly e saber mais em detalhes a sua trajetória e também a de sua irmã e seu pai.Que bom que a emoção esteve presente.Amo lindas histórias de superação.Beijos!!!

    ResponderExcluir
  3. Olá Alessandra, tudo bem?

    Essa é a primeira resenha que leio desse livro, gostei do que li e fiquei curioso, mesmo com as sua ressalvas, dica anotada....bjs.


    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Olá, Lelê.
    Essa mistura de verdade e fantasia em uma fábula me chama bastante a atenção. Além disso, quero conhecer a Molly e entender melhor a sua tristeza e sofrimento.
    Ótima resenha, como sempre.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do top comentarista de fevereiro. Serão dois vencedores!

    ResponderExcluir
  5. pelo visto a autora sabe como encantar, o livro anterior dela tinha essa mesma proposta de emocioanr e encantar!
    que linda trama, fiquei curioda e ainda bem que li a resenha, porque a capa me transmitia outra mensagem
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Lê!
    As fábulas infantis nos transportam mesmo para um mundo mágico.
    Deve ser um lindo livro para leitura.
    “O saber é saber que nada se sabe. Este é a definição do verdadeiro conhecimento.”(Confúcio)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Top Comentarista fevereiro, 4 livros e 3 ganhadores, participe!

    ResponderExcluir
  7. O mais bacana nestes livros de fantasias, são as viagens que eles nos permitem fazer assim, de graça...somente ali, em cada página!
    Fábulas sempre são bem vindas, ainda mais quando trazem família, companheirismo e superação reunidas!
    Lerei com certeza!!
    Beijo

    ResponderExcluir
  8. Oi, Lelê.
    Tenho o outro livro da autora na estante e até tenho vontade de ler, mas não me animei com esse!! rs...
    Beijos
    Camis - Leitora Compulsiva
    www.leitoracompulsiva.com.br

    ResponderExcluir
  9. Lelê, Temporada de Segredos tem a sinopse mais interessante que já li!, dá muita vontade de pegar o livro e seguir com a personagem neste caminho de descobertas. Foi para o topo da minha lista ;)

    Dois abraços!

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Quase comprei esse livro esses dias, eu curti a sinopse, mas a capa me ganhou totalmente rs' e agora lendo a sua resenha me parece uma história linda que eu vou adorar ler e já sei que irei chorar um pouquinho haha... Quero saber como as coisas irão se resolver. Livro para a próxima compra.

    Beijos!
    http://lovesbooksandcupcakes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. adorei a premissa do livro,parece bem interessante
    não conhecia essa obra...anotando essa dica ;)
    bjs
    ldsonhos.blogspot.com

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário!