Resenha: A Lista do Nunca

Título: A Lista do Nunca

Autor: Koethi Zan

Páginas: 271

Editora: Paralela


COMPRE AQUI:  FNAC,  SUBMARINO,  BUSCAPÉ












     Nada é tão ruim que não possa piorar.


"Havia quatro de nós lá embaixo nos primeiros
trinta e dois meses e onze dias do nosso 
cativeiro. E então, de repente e sem qualquer
aviso, éramos três."
Pag. 7



     Esse é o clima do livro. Quando eu achava que já estava bom, que já tinha acontecido muitas coisas ruins, vinha outra coisa pior, e depois mais outra... E foi assim até o final!

     Em "A Lista do Nunca" vamos conhecer a história de Sarah e de sua amiga Jennifer. 

     As duas são amigas desde a infância, e quando ainda eram crianças, sofreram um acidente e por pouco não morreram. As duas amigas então resolvem fazer uma lista de nuncas. Ou seja, uma lista de coisas não seguras, coisas que elas não poderiam fazer para que assim pudessem se manter vivas. Por exemplo: Nunca pegar carona, nunca seguir uma rotina, nunca ignorar o instinto, nunca usar o nome verdadeiro na internet, e assim por diante.

     E assim elas viveram por muitos anos. Elas foram juntas para a faculdade, e na porta do quarto elas colaram a lista, para nunca se esquecerem do que não poderiam fazer.

     Porém, um deslize bobo aconteceu e as duas foram vítimas de um sequestro. 


"Nenhuma de nós soltou um pio sequer. 
Tínhamos treinado para nunca agir
impulsivamente em situações de emergência."
Pag. 13


     Um cara acima de qualquer suspeita. Um homem admirável, um exemplo para a sociedade escondia uma mente doentia, sombria e maquiavélica. 

     As duas foram levadas para um porão, presas em correntes, sem roupas, sem comida, sem luz. Neste porão havia mais duas garotas que já estavam lá há tempos. Todas foram submetidas as piores formas de torturas.

     Assim como as outras duas garotas, Sarah também ficou presa por correntes. Já Jennifer ficou dentro de uma caixa, presa, como em um caixão. Até que desapareceu.

     Elas viveram assim por três anos. Passando fome e sede, sendo brutalmente torturadas e tendo que obedecer aos mandos deste monstro. 

     E no maior momento de loucura, Sarah consegue fugir e seu captor é pego.


"Quem são essas mulheres que escrevem cartas
para prisioneiros? Será que secretamente 
desejam ser acorrentadas, torturadas e assassinadas?"
Pag. 20


     Legal. Aí você acha que tá bom né? Elas já sofreram muito.  Que nada!! Nem começou.

     Dez anos se passaram. As três que conseguiram escapar foram viver suas vidas da maneira que conseguiram. 

     Sarah vive em pânico. Não consegue manter contato com ninguém. Fica trancada em seu apartamento e suas únicas companhias são o policial que ajudou no caso e ainda tenta ajudá-la, e sua psiquiatra. 
     Tracy, uma das garotas que já estavam no porão, virou ativista e Christine casou com um homem importante, teve duas filhas, mudou de nome e ninguém sabe de nada que aconteceu na sua vida.

     Só que o homem que as torturou está prestes a sair da cadeia e precisa do depoimento delas, ou de provas para que continue a cumprir a pena. 

     Do nada as três começam a receber cartas do sequestrador. Nenhuma delas consegue entender o que ele está querendo dizer. Só quando as três se reúnem e começam  a ler juntas é que tudo começa a fazer sentido. 

     Elas precisam se unir e voltar ao passado para descobrir segredos que nem os detetives na época descobriram.

     Encarar o trauma de cada uma delas é, talvez, a coisa mais difícil que fazem.

     Como eu disse no início, nada é tão ruim que não possa piorar, aqui isso se torna real. Tudo de ruim acontece com essas garotas. 


     Eu demorei um pouco para ler este livro, pois ele foi lançado pouco tempo antes daquele caso do motorista de ônibus que manteve aquelas três mulheres presas no porão. Na época fiquei um pouco impressionada. E é para ficar mesmo, pois o livro não foi baseado na história daquelas mulheres, porém elas são parecidas. A autora não tinha a menor ideia de que enquanto escrevia seu livro, outras três mulheres estavam passando por uma situação bem parecida. É para ficar assustado com tamanha crueldade e coincidência.

     O final é alucinante e inesperado. De jeito nenhum eu esperava este desfecho. Gostei de como a autora terminou, ou não... a vida continua... Gostei deste ponto final com uma reticências. A vida é assim mesmo. Terminamos sempre uma história para começar outra, ou tentar terminar melhor o que deixamos pra trás. 

     É narrado em primeira pessoa. Sarah é que nos conta sua vida, seus pensamentos e seus medos. E como senti pena de Sarah!! 

     Gostei muito da capa e da diagramação. Mas principalmente, gostei da história. Muito bem montada. Cheia de intrigas e personagens super suspeitos. Teve momentos que eu achava que todos eram loucos. Sem brincadeira, fiquei com medo até do porteiro do hotel que nem apareceu no livro, rs. Sinistro!

      Recomendo para quem gosta de um bom thriller ou um suspense daqueles de tirar o fôlego.

     

13 comentários:

  1. Sabe o que mais me encanta em suas resenhas? É que você consegue colocar tanto sentimento em cada letra..que é impossível não ler a resenha com o coração na mão, literalmente. Se é um romance, eu até suspiro..Mas se é um "bicho psicológico" assim, eu fico até com batedeira.
    Menina..Parabéns!!!!!
    E que livro..to comentando e abrindo a página do Skoob pra adicionar como desejado. Parece que é algo totalmente irreal..e ao mesmo tempo, plausível demais. O desespero das meninas, o jogo de mentes, de medos, de sentimentos a flor da pele.
    Preciso urgente deste livro, ah se preciso!!!!
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Tema forte, mas eu gostei. Vou dar mais procurada por ele e quem sabe ler. Acho que estou precisando de um livro assim

    ResponderExcluir
  3. todo o livro tem essa pegada de adrenalina e um pouco sombrio, não sei se eu leria.
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Nossa, Alessandra! Se eu não lesse a resenha desse livro nunca que ia pensar em comprar/ler a sinopse com essa capa... Ela não chama nem um pouco a atenção... hahaha
    Mas confesso que fiquei muito interessada em ler agora! Adorei a trama, muito tensa ein? Já coloquei nos desejados.
    bjs
    http://apenas-um-vicio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Só o título já é impactante <3
    AMEEEEEEEEEEEEEEI sua resenha! Quero muito esse livro.
    beijos
    http://cookierobsten.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Nossa, quando vi a capa já me interessei muito pelo livro. Lendo sua resenha vi que ele realmente é um livro que merece ser lido... Amo thriller/suspense/terror e esse me parece ser um muito bom. Amei a forma como escrevestes, me pereceu que já até sentia a emoção ao ler sua resenha, fiquei aqui imaginando como seria no livro mesmo!!!!
    Muito boa resenha mesmo!!! Obrigada =D
    Bjão!

    ResponderExcluir
  7. Já conhecia o livro, Lê, apesar de não ter lido. Já estava disposto a lê-lo e sua resenha me deu ainda mais força. Gosto de livros com essa pegada.
    Espero ler a obra em breve.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de julho

    ResponderExcluir
  8. Nossa, que doideira Lelê, fiquei com medo só de ler a resenha, nem conseguiria ler o livro. Essa é a verdadeira história de terror, aquela que é perfeitamente possível de acontecer na vida real, que coincidência a revelação desse caso parecido com a história do livro hein?
    Beijos... Elis Culceag. * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
  9. Uau, que história!
    O livro parece ser bem forte, e fiquei impressionada com o tanto de coisa ruim que acontece. Meu deus! rs
    Fique super curiosa, deve ser uma leitura até um pouco "agoniante", em ler cada detalhe das coisas que aconteceram.
    Li meu primeiro thriller a pouco tempo e fiquei simplesmente apaixonada, e agora estou super me interessando por esse gênero. Com certeza vou por esse na minha lista!

    Beijos,
    Fer - http://viciosemtres.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Achei bem forte a história, não sei se teria coragem de ler, mas parece boa. Gostei da capa, me chamou atenção.

    ResponderExcluir
  11. Gente de Deus! Que livro é esse?

    Eu amo livros assim, surpreendentes e que a qualquer momento pode mudar tudo aquilo que você pensava. Esse livro parece ser bem assustador e de certa maneira opressivo. A sinopse e toda sua análise me fisgou Lele. Parabéns e espero ler um dia =)

    Abraço5
    Luke

    ResponderExcluir
  12. Nossa só a capa já chama muito atenção, mas quando li a sinopse, vi que realmente se tratava de um livro que queria ler e muito..
    Já comprei e tô esperando chegar para lê-lo

    ResponderExcluir
  13. Uma bela história e ótimos personagens, apesar de misteriosos.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...