Resenha: Carrie, A Estranha


Título: Carrie, A Estranha

Autor: Stephen King

Páginas: 199

Editora: Suma de Letras



COMPRE AQUI:  EXTRASUBMARINO BUSCAPÉAMERICANAS









     Impressionante! Essa é a melhor definição para este livro.




" - Elas riram de mim. Atiraram coisas.
Elas sempre riram."
Pag. 28


     Carrie nasceu em uma família muito desestruturada. Sua mãe provavelmente tinha o dom da telecinesia, mas atribuía isso ao Diabo. Ela e o marido eram fanáticos religiosos. O pai faleceu quando sua mãe ainda estava grávida, e claro que ela atribuiu essa morte ao Diabo também.

     E assim Carrie cresceu, aos mandos e desmandos de uma mãe louca que a proibia de tudo, a única coisa que ela podia fazer era rezar e se penitenciar por pecados que ela não havia cometido.


" - ... Mostrai-lhe que se ela tivesse se
mantido pura, a maldição do sangue
jamais a teria atingido. Talvez ela tenha
cometido o pecado dos pensamentos
lascivos. Talvez tenha ouvido
rock no rádio..."
Pag. 56


     No ensino médio, Carrie é a estranha da escola. Sem amigos, sempre isolada, a piada de todos os alunos.
     Depois de um evento complicado ocorrido no vestiário do colégio, algumas alunas levam suspensão e são proibidas de ir ao baile de formatura.
     Inconformada, Chris, uma das alunas, junto com seu namorado bad boy armam uma vingança contra a escola. Só que neste baile Carrie é eleita a rainha, e Tommy, o bom garoto, que só queria se aproximar e conhecê-la, tudo com o consentimento da namorada Sue que queria se redimir com Carrie, foi eleito o rei.
     Chris então vê sua vingança ser perfeita, além de acabar com o baile, ainda vai destruir de vez com a reputação de Carrie.


"Sangue, sangue fresco. Na raiz disso sempre
havia sangue, e só sangue podia expiar isso."
Pag. 125


     Mas o que ninguém sabia era que a vergonha e o ódio iriam desencadear o desejo de vingança e o poder da mente dela. A destruição começa.

     Eu só havia assistido as duas versões antigas do filme e encontrei algumas diferenças que para mim foram fundamentais.

     Nos filmes a mãe é sim fanática, porém não tanto quanto a descrita no livro, senti uma repulsa enorme por ela. A mãe é um monstro!
     A personalidade de alguns personagens também é diferente, e no livro as as motivações são bem mais explicadas.

     É narrado em terceira pessoa, passando por quase todos os que fazem parte da trama, isso é ótimo pois temos a visão de Carrie em relação a mãe, da mãe em relação a filha e de todos os envolvidos em relação a Carrie. Ainda tem também depoimentos e reportagens intercalando tudo.

     Você sabe como acaba desde o começo, o final então não é uma surpresa, e mesmo assim é impossível parar de ler, pois entender o que cada um viu e sentiu é que torna a história surpreendente.

     Stephen King é o mestre!

     Amei! Como eu disse, é diferente dos filmes. É melhor! Muito melhor! Principalmente o final.

     A leitura é rápida, pois a narrativa é tão envolvente que não tem como parar de ler, além de ter uma fonte grande e bem espaçada, e isso ajuda a leitura ser ainda mais ágil.

     Uma curiosidade: A última página tem um gancho para uma possível continuação que até hoje não foi feita. Talvez possa estar na gaveta dessa mente insana do autor, mas quem sabe... Este ano Carrie completa quarenta anos de lançamento, bem que o autor poderia vir com uma surpresa. Pra quem acha impossível, saiba que o autor lançou em 2013 o livro Doctor Sleep, que é a continuação de O Iluminado. Então ainda há esperanças!!

     Enfim, tá mais que recomendado!

18 comentários:

  1. Engraçado que esta semana consegui ver a nova versão de Carrie...e mesmo tendo assistido a versão original, eu achei essa nova super boa!
    Não sei se é porque gosto muito da atriz que interpretou Carrie(Chloé Moretz) e Julianne Moore interpretando a doida da mãe.
    Ainda não li o livro, mas em se tratando de King, é óbvio que o livro é muito mais recheado de detalhes. Sempre desconfiei que haveria mais por trás da mãe fanática. Não poderia ser simples assim.
    Vai pra lista de desejados =)
    Um beijo

    ResponderExcluir
  2. Gosto muito do filme (o original, pq os remakes não prestam), mas nunca cheguei a ler o livro. Com certeza deve ser muito melhor mesmo, mas atualmente não sinto vontade de ler, mesmo adorando o sr. King.

    Bjs,
    Kel
    www.itcultura.com.br

    ResponderExcluir
  3. Só li "O Iluminado" do Stephen King, mas foi o suficiente para eu me interessar por praticamente todos os outros livros do autor e, claro, "Carrie, a Estranha" é um dos principais, já que é um clássico inclusive do cinema. Nunca assisti nenhuma das versões do filme, já que sou muito mais de terror nos livros do que nos filmes, então talvez assista apenas após ler o livro, o que eu espero fazer em breve. ;D

    ResponderExcluir
  4. gente, me desculpa mas eu vi o filme da Carie e meu Deus, se o filme é daquele jeito imagina o livro? tinha que ser di Stephen, mente diabólica rsrsr
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Lele, conheço a história pelo filme, mas tenho vontade de ler o livro. O problema é que eu tenho dificuldades na leitura do King, até hoje só consegui terminar de ler o "O Iluminado" e o primeiro volume da "Sétima Torre", o texto dele meio que emperra comigo e não flui muito bem.... mas estou muito a fim de ler o "Novembro de 63", quem sabe é o livro que me fará fazer as pazes com o autor.

    Dois abraços ;)

    http://www.pontolivro.com

    ResponderExcluir
  6. Já assisti as 3 adaptações de Carrie, mas apesar de amar os livros do King ainda não peguei esse para ler! Eles está muito caro, esperar entrar na promoção no sub para comprar! kkkk Adorei sua resenha, está bem completa!
    Beijo!
    http://booksmanybooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Menina ainda não assisti essa nova adaptação do livro,
    mas sem dúvida ler esse livro sempre esteve na minha lista de desejos..
    Agora vendo o quanto você gostou fiquei com mais vontade ainda hehe

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Ameii a resenha!
    Eu li esse livro faz anos, por indicação de um amigo, e lembro que fiquei super impressionada.
    Não assisti às adaptações, mas tenho curiosidade. Só que antes pretendo reler o livro, tem muita coisa que não me recordo mais.
    Beijos
    http://www.coisasdemeninas.blog.br/

    ResponderExcluir
  9. Como você disse, tivemos mais ou menos as mesmas impressões. Eu só assisti o filme de 2002, que não lembro bem, e A Maldição de Carrie, que é bem ruinzinho. Pelo trailer, parece que a mãe da nova versão é mais malvada. Tomara! Sobre o final, também adorei, achei um dos pontos altos. Se o Stephen King aparecer com uma continuação, vou querer ler!

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Agora quero ler o livro, assisti as 2 versões do filme (só a versão mais nova que não), mas achei a história fraca... Lendo a resenha me deu um up para ler, o livro parece mesmo bem melhor que o filme!

    ResponderExcluir
  11. Oi Lele! Eu já li alguns livros do autor, mas este aqui não e queria mesmo saber mais sobre a trama. UAIU! Eu preciso ler logo, mesmo que o final seja previsível eu imagino todos os desdobramentos que King criou antes de chegar nele e devem ter sido ótimos.

    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  12. Oi Alessandra, tudo bom?
    Eu ainda não li nada do Stephen King, mas tenho vontade de conhecer a narrativa dele. Eu nunca assisti ao filme porque não gosto de filme de terror, mas sei um pouco da premissa.
    Sua resenha ficou muito instigante. Beijos
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi Lelê,
    você que anda sempre ligada lá no blog, sabe que a Maria Antônia é rainha das resenhas de livros do King e que também já resenhou Carrie, depois que ela fez a resenha fiquei com vontade de ler, por isso baixei e comecei a ler pelo tablet, achei nas primeiras 20 páginas que a mãe da Carrie é uma louca, surtada, que tem titica na cabeça, como alguém sã pode "confundir" gravidez com câncer ?? Só que infelizmente, eu parei de ler. Tive muitas coisas para fazer e fiquei sem tempo, como era um livro já resenhado, vou deixar para lê-lo depois. Mas até onde eu li, já estava muito bom !!
    ótima resenha e os quotes, perfeitos ♥
    Beijinhos
    Lêeh,

    http://maetoescrevendo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Lembro de ter visto o filme a muito tempo, mas nunca li o livro e eu ando com um medo que não sei realmente da onde vem, acho que não consigo ver mais tanto terror rsrsrsrsrsr como pode isso de uma pessoa que só via isso.
    Sua resenha está me extigando a ler o livro, será que consigollll

    ResponderExcluir
  15. Lelê, você acredita que eu nunca li nada do King? Preciso tomar vergonha na cara e procurar algum, Carrie parece ser uma ótima opção.
    Adorei a resenha *-*
    Beijos!

    Gustavo Valim
    http://jantandolivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Ja assisti duas versões de Carrie, ainda falta a original! E sempre quis ler o livro...nao ao certo pq nunca li...espero conseguir lê-lo esse ano!

    ResponderExcluir
  17. Não gosto muito do gênero sobrenatural, mas esse livro é ótimo. E saiu agora com a capa do novo filme, uma edição linda :)

    ResponderExcluir
  18. Não li nenhum livro desse autor ainda, mas quero muito ler Carrie a Estranha e assistir ao filme.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...