Resenha: O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares


Título: O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares


Autor: Ransom Riggs

Páginas: 335

Editora: Leya



Compre aqui:  SARAIVABUSCAPÉPONTO FRIO EXTRA














  Eu AMEI este livro!!














     Jacob quando criança tinha uma relação muito boa com seu avô Abraham Portman, que sempre lhe contava histórias do seu passado no orfanato. Eram histórias fantásticas de uma infância ao lado de crianças muito peculiares, e também mostrava-lhe fotos para comprovar a veracidade delas.
     Quando Jacob cresceu deixou de acreditar nas histórias do avô, que aliás foi considerado incapaz e vivia a base de remédios.
     Um dia Abraham teve um "surto" e Jacob foi ajudá-lo, porém seu avô faleceu. Agora Jacob não tem certeza se tudo que seu avô contava era só fantasia mesmo.


" - Mas por que os monstros queriam machucar você?
- Porque não éramos como as outras pessoas.
Eramos peculiares."
Pag. 10


     Com a morte do avô atormentando a cabeça de Jacob, ele não resiste e vai atrás da verdade. Ele e seu pai vão ao País de Gales conhecer o tal Orfanato onde Abraham viveu antes de ir lutar na Segunda Guerra.


"Fica longe, lá do outro lado da ilha, depois
da charneca pantanosa e da mata, mas eu
não pensaria em perambular por lá 
sozinho se fosse você."
Pag. 67


     Munido somente de uma carta escrita pela Srta. Peregrine há quinze anos, ele segue até o endereço indicado.
     Chegando lá ele descobre que o orfanato não existe desde a guerra, que tudo foi destruído e todas as crianças foram mortas.


"Seu povo acreditava que as charnecas pantanosas,
e nossas charnecas em particular, eram entradas
para o mundo dos deuses e por isso, o lugar
perfeito para oferecer seu presente mais
precioso. Eles mesmo."
Pag. 88


     Desolado com a notícia da não existência do orfanato, Jacob quase desiste da sua busca. Até descobrir que tanto as crianças quanto a própria Srta. Peregrine ainda estão "vivas" depois de décadas.


"Hoje em dia cada vez menos gente acredita
nessas coisas, fadas, duendes, e toda essa
bobagem, e por isso as pessoas comuns
não fazem mais muita força para nos descobrir."
Pag. 141


     E assim começa a grande aventura da vida do garoto de dezesseis anos que só tinha um amigo.



"Mas então me aproximei ainda mais e olhei
com mais atenção, e percebi que não eram
frutas e legumes afinal de contas, mas órgãos.
Cérebros. Corações. Pulmões. Olhos."
Pag. 105


     Escrito em primeira pessoa, pelo ponto de vista de Jacob, o livro me ganhou logo na primeira página.
     Uma narrativa excelente. Um livro de fantasia carregado de seres diferentes dos já inventados na literatura. História incrível.


"Havia uma ave enorme pousada na cômoda
encarando-me. Tinha uma cabeça reluzente,
coberta de penas cinzas e garras que faziam
barulho sobre o tampo de madeira da cômoda..."
Pag. 96


     O autor finalizou muito bem, mas me deixou curiosa, ou seja, já estou ansiosa para saber o que vai acontecer no próximo, que aliás ainda não tem nome nem data prevista para o lançamento.


"Todo mundo com quem eu cruzava me
encarava de olhos arregalados, parando
o que quer que estivesse fazendo
para me ver passar."
Pag. 119


     Me apaixonei pela capa, linda! A diagramação também está perfeita e riquíssima. As fotos vintage e sinistras deram um toque especial, pois cada uma delas se encaixa perfeitamente na história.

     Encantada e apaixonada. Assim que me senti quando terminei de ler este livro.

     Pode ser fofoca, mas fiquei sabendo que os direitos de adaptação do livro para o cinema já foram adquiridos pela 20th. Century Fox. E o possível diretor seria Tim Burton (mestre-perfeito).

     Então agora para mim só resta aguardar a sequência do livro e o possível filme.

     E quanto a você que ainda não leu, tá esperando o quê????



    

11 comentários:

  1. Ola Lele, tudo bem?
    Gosto de livros assim, meio obscuros. Gostei e muito da capa, e imagino que ela é perfeita para o tom da estória. Fiquei curiosa.
    Abraços,
    Amanda AlmeidaVocê é o que lê

    ResponderExcluir
  2. Ô Lele, posso te dizer uma coisa?
    Que susto eu tive quando vi que a garota da foto era vc kkkkkkkkk

    Menina vc tem que parar de resenhar assim, porque fica difícil demais não querer ler, logo, rápido, o quanto antes! Fiquei imaginando uma estória fantástica com muitas aventuras e seres míticos.
    A capa é mesmo única e a diagramação pelas fotos que vc mostrou, um achado.

    Sorteio? kkkkkkkkk

    www.reticenciando.com

    Milhões de beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Ju!!!
      Essa editora não é parceira do blog. Então fica difícil ter sorteio. Esse era um livro que eu queria muito ler, tive que resenhá-lo. E essa foto ficou tudo!! kkkkkkkkkkkkkkkk

      Me senti uma peculiar!!

      Bjkas

      Excluir
  3. Gostei da resenha, realmente parece ser um livro que te prende do início ao fim... :))

    ResponderExcluir
  4. Eu amei da resenha so que a capa me da um pouco de medo

    ResponderExcluir
  5. Pare ser bem enteressante mas um pouco medonho e gostei da capa

    ResponderExcluir
  6. Ah Lele esse livro é muito sombrio pra mim...

    ResponderExcluir
  7. Oi Lele...
    Confesso que pelo título e pela eu não me animei... mas a curiosidade falou mais alto e vou me arriscar a essa leitura depois de sua resenha!
    Parabéns mais uma vez!
    Bjokas =)

    ResponderExcluir
  8. Eu não sinto muita vontade de ler esse livro. Pelo menos o título não chamou minha atenção. Mas sou do tipo que acabo lendo mesmo não tendo muita vontade para saber exatamente o que diz a história.

    ResponderExcluir
  9. Essa é a segunda resenha que leio sobre esse livro, e estou bastante curiosa com essa história. A capa do livro é bem intrigante, tal como suponho ser a trama....Quero muito ler esse livro!!!!!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© To Pensando em Ler - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo